Cúria Diocesana (48) 3433.6313 Catedral São José (48) 3433.1079 imprensa@diocesecriciuma.com.br

Padre Orlando é homenageado em Fórum da OAB

Data de Publicação
31
2018
07
Terça-feira
14h36
31 de Julho de 2018 14h36

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) - Subseção de Criciúma certificou, na noite de segunda-feira, 30 de julho, o Padre Orlando Antonio Cechinel, em razão de sua colaboração com o sistema penitenciário, através das visitas e celebrações mensais de missa que realiza nas unidades penitenciárias de Criciúma. Padre Orlando concilia sua atividade junto a equipe da Pastoral Carcerária com a missão de pároco que exerce na Paróquia Santo Antônio, na região do bairro Quarta Linha, em Criciúma. A homenagem ocorreu durante o 1º Fórum sobre Trabalho Carcerário, promovido pela Comissão de Direitos Humanos da OAB e que homenageou outras pessoas e empresas.
 
O Fórum trouxe à tona algumas reflexões acerca da importância das atividades laborais e educacionais exercidas dentro das unidades penitenciárias no Estado de Santa Catarina e, mais precisamente, no Sul do Estado. Membros do Conselho da Comunidade, instituições, DEAP e magistrados participaram da atividade, na sede da Associação Empresarial de Criciúma (ACIC).
 
Alguns números sobre trabalho e educação nas penitenciárias
Conforme dados apresentados pelo DEAP, hoje as 50 unidades penitenciárias de SC somam um total de 25 mil presos, sendo 5,8 mil deles provisórios, 10,3 do regime fechado, 5 mil do semiaberto e 3,8, aberto. Mais de 3 mil já se formaram pelo Pronatec ou Procap, 3,7 estudam e 7 mil exercem trabalho remunerado. De 2011 para 2017, o número de fugas diminuiu 57%. No Estado, há 240 empresas conveniadas com o sistema penitenciário, sendo que no Sul há 28 destes convênios, que dão oportunidade de emprego a 698 reeducandos.

Foto de capa: Stephanie Barbosa Lemos Vieira