Cúria Diocesana (48) 3433.6313 Catedral São José (48) 3433.1079 imprensa@diocesecriciuma.com.br

Diocese acolhe imagem auxiliar da Mãe Peregrina

Data de Publicação
18
2017
10
Quarta-feira
19h57
18 de Outubro de 2017 19h57

A Diocese de Criciúma acolheu uma companhia especial e perene, desde a tarde do último domingo, 15 de outubro. Na presença de mais de 1 mil missionárias, o Apostolado da Mãe Peregrina recebeu a imagem da Mãe Peregrina Auxiliar Diocesana, de tamanho idêntico à capela com que João Luiz Pozzobom deu início à Campanha da Mãe Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt, em 1950.
 
A réplica da peregrina original foi entronizada durante a santa missa,que teve início às 16h, presidida pelo Bispo Diocesano, Dom Jacinto Inacio Flach, no Santuário Diocesano Nossa Senhora de Caravaggio, em Nova Veneza. "Toda Peregrina Diocesana nos recorda o início da Campanha e ela é o ponto de união entre a Diocese e a Campanha; sempre remete, de novo, à sua fonte de origem, à missão do Sr. João Pozzobom, que começou a caminhar a partir do Santuário da Mãe Peregrina. É a Mãe que sai e vai ao encontro das famílias. Nas dioceses, ela tem a missão de ser o elo de união entre as comarcas, paróquias, comunidades e famílias. Onde a imagem peregrina das famílias não pode chegar, por exemplo: escolas, hospitais, a peregrina diocesana vai", explica a assessora estadual do Apostolado da Mãe Peregrina, Irmã Vera Lúcia Debald.
 
Segundo a assessora, a grande imagem deverá peregrinar o tempo todo, a locais onde as imagens menores não conseguem chegar. A Diocese de Criciúma é a quarta no Estado de Santa Catarina (Regional Sul 4 da CNBB) a receber a imagem, depois de Florianópolis, Joinville e Tubarão. "Queremos agradecer muito aos sacerdotes que se abrem, apoiam e dão força aos missionários, para que sejam leigos atuantes nas paróquias. É uma bênção para a Igreja! A Mãe Peregrina está para unir a paróquia e fortalecer sua caminhada. O grande desejo de Nossa Senhora, em todas as suas aparições, é ir ao encontro de cada um dos seus filhos, com o grande objetivo de levar Jesus e a salvação: cuidar para que todos os filhos se salvem!", pontuou Irmã Vera.

Durante a missa, concelebrada pelos padres Joel Sávio, Valdemar Carminati, Agenor Pedroso e Carlos Wecki, Dom Jacinto Flach ressaltou o papel da imagem, que será utilizada em momentos especiais da caminhada diocesana e acolheu com alegria os missionários e missionárias que lotaram o santuário mariano. "Quando acolhemos a Mãe Peregrina em nossa casa, e levamos para outra casa, são gestos missionários pequenos mas importantíssimos, pois estamos levando a bênção, uns para os outros", disse o epíscopo.
 
O Bispo ainda exaltou a figura de Maria, como Mãe, defensora, intercessora e orientadora, a quem os filhos podem confiar suas preces para que sejam levadas a Deus. "Depois de Jesus Cristo, ninguém reúne tantas pessoas como Maria. É um mistério o amor e o carinho que nós temos por Maria e ela por nós. É uma coisa de Mãe, de filhos!", declarou Dom Jacinto.

Ao final da missa, o Coordenador Diocesano de Pastoral, padre Joel Sávio, agradeceu o empenho da coordenação diocesana da Mãe Peregrina, através da leiga Débora Rodrigues. O bispo Dom Jacinto ressaltou que a campanha da Mãe Peregrina teve início na Diocese com apoio de padre Agenor Pedroso, à época procurado pela leiga Elma Marangoni, que disseminou a devoção após uma graça alcançada a seu esposo após sofrer um grave acidente automobilístico.
 
Na Diocese de Criciúma, existem mais de 2 mil capelinhas visitando famílias em todo o território diocesano. A imagem peregrina auxiliar também será sinal presente no 3º Encontro Diocesano do Terço dos Homens, que aocntecerá no dia 05 de novembro, no Santuário Sagrado Coração Misericordioso de Jesus, em Morro Bonito, Içara.

Confira o álbum completo na página do Facebook da Diocese de Criciúma.