Cúria Diocesana (48) 3433.6313 Catedral São José (48) 3433.1079 imprensa@diocesecriciuma.com.br

Conselho de Pastoral realiza segunda reunião do ano

Data de Publicação
16
2018
06
Sábado
09h44
16 de Junho de 2018 09h44

Na manhã desta quinta-feira, 14, o Conselho de Pastoral da Diocese de Criciúma realizou sua segunda reunião do ano. A atividade foi acolhida pela Paróquia Santo Agostinho, em Rio Maina. Na pauta do encontro, o grupo formado por padres, religiosas e leigos coordenadores de comarcas, pastorais e movimentos, fez a avaliação dos estudos nucleares sobre a preparação para o Batismo. Na oportunidade, a maioria dos membros do Conselho apontou a necessidade de estudo para maior compreensão sobre o método de Iniciação à Vida Cristã e a formação de uma comissão que promova os encaminhamentos necessários.
 
O Bispo da Diocese de Criciúma, Dom Jacinto Inacio Flach, fez o repasse dos principais assuntos discutidos e documentos encaminhados pela 56ª Assembleia Geral da CNBB, como o novo missal, o subsídio para celebrações de exéquias, bem como o subsídio doutrinal sobre a laicidade do Estado e o processo de atualização das Diretrizes para a Formação dos Presbíteros. Dom Jacinto também destacou a importância do documento Acordo Brasil Santa Sé e frisou a necessidade de cada membro do Conselho cuidar sempre do espírito de oração nos trabalhos realizados na Igreja.
 
O Coordenador Diocesano de Pastoral, padre Joel Sávio, ressaltou a divulgação da mensagem da CNBB para as eleições, impressa na Revista da Diocese deste mês, além da cartilha elaborada pelo Regional Sul 2, com orientações para o referido período. Dom Jacinto recordou também a iniciativa da Conferência dos Bispos em destinar recursos do Fundo Nacional de Solidariedade aos imigrantes venezuelanos que, todos os dias, chegam aos milhares ao Brasil.
 
Outro assunto da pauta foi a nova composição das equipes de Conselho Comarcal, segundo as orientações do novo Plano Diocesano de Pastoral, e a decisão sobre a realização de atividades neste nível. O assunto será discutido e analisado, ainda, pelos próprios membros dos conselhos, sendo que as próximas reuniões deverão seguir o que orienta o documento. "O objetivo não é diminuir o papel da comarca, pois ela é um ótimo espaço de articulação, diálogo e reflexão, mas valorizar e resignificar este espaço", enfatizou padre Joel.
 
Ao final da reunião, padre Joel apresentou a proposta de trabalho para atualização das orientações pastorais (quarta parte do Plano Diocesano de Pastoral), com estudo e apontamentos feitos pelas comarcas, pastorais e movimentos, distribuindo as seis dimensões para cada grupo. Neste trabalho, não será formada uma comissão especificada, como no PDP. As propostas serão analisadas pelo Conselho Diocesano de Pastoral e poderão ter uma prévia para primeira análise, apresentada na Assembleia Diocesana de Pastoral, no mês de outubro.

A reunião também contou com a fala do pároco da Paróquia que acolheu a atividade, padre José Lino Buss, que, seguindo o costume da reunião itinerante, deu as boas-vindas aos conselheiros e apresentou a realidade paroquial, no início do encontro.